sexta-feira, 10 de setembro de 2010

DAS PROMESSAS Á REALIDADE

Há um ano, por esta altura, a azáfama partidária estava ao rubro, avizinhava-se o período de campanha eleitoral para as Eleições Autárquicas de 11 de Outubro.
Os candidatos, durante a pré-campanha, deram a conhecer os seus objectivos para Campo Maior e nós ansiávamos que o futuro Presidente cumprisse o prometido.
A verdade é que decorridos 11 meses, a maioria dessas promessas estão por cumprir e havia algumas que Ricardo Pinheiro tomou como Bandeira e que continuamos a aguardar.
No seu programa afirmava que “Campo Maior tem de evoluir e mudar, rápida e profundamente. Caso contrário corremos o risco do nosso concelho se manter numa estagnação de politicas, de ideias e de acontecimentos. Sem ideias, sem inovação e sem projectos, as vilas e as cidades definham e morrem”.
Um outro desafio foi a promessa de uma gestão participativa, implementando o Orçamento Participativo em que a comunidade seria ouvida e teria anualmente, na definição das prioridades, uma palavra a dizer.
Brevemente iniciar-se-á a elaboração de novo Orçamento e a promessa de reuniões com a população para o tal orçamento participativo continuam no esquecimento, a verdade é que é um documento assaz importante e que terá se ser aprovado em Outubro/Novembro.
Relativamente ao Orçamento de 2010 (quase nove meses se execução) o grau de execução é extremamente baixo, basta analisar os investimentos aí incluídos (vide meu posta “Férias - É Tempo de Descanso”) para se concluir que mais de 90% dos investimentos não foram iniciados.
É verdade que alguma coisa se fez, a Vila está mais bonita, a gestão do Pessoal da Autarquia tornou-se mais transparente, tem havido alguma contenção de certas despesas o que é salutar, mas também não é menos verdade e aqui deve-se dar o benefício da dúvida, que se mais não fez é fruto de compromissos assumidos pelo anterior executivo e que por esse motivo o inibe de dar cumprimento a alguns dos seus objectivos.
O maior cancro que provem da gestão anterior é a famigerada Piscina da Fonte Nova, trata-se de um equipamento que nasceu torto e custa a endireitar. Apesar de ser propriedade da Campiscinas S.A. (MRG 51% e Campomayor XXI 49%) a Câmara foi avalista do empréstimo de 5.000.000,00 contraídos na C.G.D. e é a própria Câmara que terá de suportar a parte correspondente à Empresa Municipal por não possuir receitas próprias.
Segundo se consta as amortizações do empréstimo não estão a ser feitas, o que é grave, é uma batata quente nas mãos do Presidente e com o encerramento da outra Piscina o Pessoal vai regressar â Fonte Nova e o Município continua ter que suportar os seus salários.
Em relação à Piscina da Fonte Nova a auditoria efectuada pela KPMG, incluída em acta de Abril, o Presidente informou que “nos permite identificar indícios de irregularidades graves, susceptíveis de integrarem infracções criminais, nomeadamente para titulares de cargos públicos.”
Oxalá que a verdade venha ao de cima ou não venha a ser mais um Caso Freeport!
Apesar de tudo julgo que o actual Executivo vai ultrapassar todos os problemas, mas para isso é necessário, sem receios, esclarecer o Povo de toda a verdade e não poderá esquecer que recentemente recebeu o relatório da ultima visita da Inspecção da Administração Local e que após o contraditório e homologação por parte do Secretário de Estado, deve igualmente torná-lo público no Portal do Município.
Os Campomaiorenses estão atentos e termino este post como comecei em relação à gestão participativa “Serão os Campomaiorenses, através da participação em assembleias e de outros fóruns e meios de OP, que irão decidir quais as prioridades municipais”
Senhor Presidente o tempo urge e não se esqueça que o prometido é devido!
Campo Maior, 10 de Setembro de 2010
Siripipi-alentejano

14 comentários:

Anónimo disse...

Eu também gostava de ver esse relatório publicado. Isso é que é ima politica de transparência.

Anda por ai o Boca do Inferno só a falar nisso mas nós temos o direito de ler esse relatório

Dr. Estranho Amor disse...

Eminência,

Vejo que está em pulgas para deitar a mão a esse “bombástico” relatório da Inspecção da Administração Local. Pois bem: já o tenho em meu poder.

Se estiver interessado em possuir uma cópia, encontre-se comigo hoje, sábado, pelas 23.45H no Mártir Santo (segunda barraca da direita).

Eu estarei vestido com um fato de toureiro, cantando velhas cantigas ciganas sobre maldições, sapos e coisas assim. É a forma como me reconhecerá.

Agradeço, por outra parte, que você vista uma t’shirt com a inscrição “Odeio Ciganos” para melhor identificação.

Máximo sigilo.

PS: A senha é “Tenho a carteira empanturrada de notas” e deverá ser gritada bem alto.

Camponês disse...

Blogue nomeado para melhor Blogue de Campo Maior.

http://campomaiornanet.blogspot.com/p/blogosfera-campomaiorense-proposta-para.html

Anónimo disse...

A vila está mais bonita? Será pelo será pelo Jardim do Burrica, pela Loja do Cidadão. Não vejo nada
de novo. O lixo continua continua a ser um caos. É ver os contentores
que não são lavados e o cheiro, então no verão é nauseabundo.Sobre
este assunto basta ir á Estrada Militar. E quanto á segurança, não me diga que não sabe o que se passa junto ao Martir Santo e pior que isso os assaltos já são frequentes no resto da Vila.
Quanto á Piscina era bom que soubesse tudo, porque eu sempre pensei que o Burrica tinha concorrido para ganhar as eleições, e por muito pouco não o conseguiu, então e se ele tivesse ganho? Como iria ele resolver o problema? E quanto ao seu plano para as festas. Ó meu caro senhor as Festas vão fazer-se, não me diga que ainda não sabe quem foi a pessoa escolhida para embeçar a Comissão.

siripipi alentejano disse...

Senhor Estranho Amor
Publiquei o seu comentário para lhe poder responder dizendo-lhe que não deve ser tão sarcástico. Ao longo da minha vida já escrevi centenas e centenas de artigos, quer na imprensa escrita, quer no meu blogue ou lidos na estações de rádio onde trabalhei e nunca ofendi seja quem for. Fui muitas vezes excessivamente crítico e os visados nunca me processaram.
V.Exª. é muito ofensivo no seus escritos, deve ser mais moderado e se pretende continuar a opinar ou a emitir as suas opiniões faço-o criando um Blogue e dê a cara. A grande maioria dos meus leitores sabem quem eu sou. Ao longo da minha vida na Função Publica, mais de 20 anos nas Autarquia, sempre defendi todos os Principios Constitucionais, expecialmente o Princípio da Legalidade e é esse o principal motivo de uma Inspecção, por isso a Autarquia deve exercer o contraditório para que após homologação do Ispector Geral e Secretário de Estado da Adm.Local possa ser presente à Assembleia Muncipal e aí tornar-se-á do conhecimento público.
Quanto ao que me propõe deve ser V.Exª. que deverá no Mártir Santo bradar aos sete ventos que é rico e tem muito dinheiro em seu poder, ou então, deverá ir brincar para os Parques infantis do Jardim, há já me esquecia, os Parques e as obras do Jardim comstam do Relatório da Inspecção e a Inspectora fez propostas muito engraçadas ao Inspector Geral do IGAL, Tribunal de Contas e Procurador do Ministério Público, é por estas e outras que o mesmo deveria ser do conhecimento geral.
siripipi-alentejano

Anónimo disse...

sr.siripipi: caso existam irregularidades graves nesse relatório acha que o executivo camarário poderá rescindir o contrato das piscinas?
obrigado.

siripipi alentejano disse...

Ao Anónimo das 23H38
As irregularidades que o Relatório porventura tenha constado, relativamente às Piscinas e outras matérias têm que ser regularizadas e este Executivo compete-lhe proceder em conformidade com as suas conclusões.
O que o Município deve fazer é denunciar as irregularidades e junto das Entidades de Direito accionar os respectivos processos para que possa ser ressarcida das verbas indevidamente gastas ou das decisões passiveis de impugnaçãoe condenação, é para isso que serve o IGAL, IGF, Tribunal de Contas e Ministério Público.
siripipi-alentejano

Anónimo disse...

Afinal o senhor sabe mais do relatório da inspecção do que apregoa, até conhece as propostas da inspectora.
Quanto à vila mais bonita, està mais bonita em quê? e se o està em que esfera este este executivo interviu?
Quanto à transperência na gestão do pessoal, só pode estar a brincar, todos sabem quem vai entrar antes dos concursos concluidos, pagamentos de favores politicos tem sido "obra" e para cúmulo atè se estão a cativar lugares para concursos a lançar a curto prazo, informe-se bem e verà que o que digo é verdade.

siripipi alentejano disse...

Senhor Anónimo
Eu já o escrevi, fui ouvido na visita de inspecção e a experiência que possuo permite-me adiantar alguma coisa do que lá está, sei como se faz uma inspeção e o que se propõe perante ilegalidades encontradas.
Quanto ao resto, eu também sei ser jucoso sem ofender ninguém, o que escrevi é para que leiam as entrelinhas e retirem ilações.
siripipi-alentejano

Anónimo disse...

Não sou um utilizador regular dos blogs, casualmente hoje naveguei nos blogs de campo maior,a sensação é que não vivo na mesma terra do Srº Siripipi, como é possivel afirmar que 90% do orçamento não foi realizado e no mesmo artigo afirma que Campo Maior esta mais bonito, so por descuido e falta de atenção se pode escreve o que não se vê. Gostaria que referência-se as melhorias iniciadas ou executadas pelo actual executivo e que as deixasse aqui documentadas fica o desafio

Anónimo disse...

O Srº Siripipi tenha juizo o Burrica fez o que fez o Ricardo continua na mesma linha a esposa do presidente de Degolados despediu-se da fabrica da Borracha para ingressar no Museo Aberto mais uma promessa entre tantas, com tanto desempregado a aguardar.
Vergonhoso

Anónimo disse...

Estou a gostar desta réplica agora é possivel começar a advinhar que o actual executivo vem com as mesmas manhas do anterior.
Só que o comandante do anterior executivo é um politico de gema e sabia muito bem o que fazer.
O comandante do actual executivo está desactualizado ou melhor ainda tem que ir estudar muito.
Mas dos processos o que se consta por aí é que a montanha pariu um rato.
Horas extraordinárias pagas a trabalhadores e pouco mais.
As obras estão seitas e isso ninguém as pode negar.
Vamos fazer alguma coisa pelo desenvolvimento da nossa terra e deixem-se de guerras inuteis.
As nossas festas dificilmente se realizarão com este clima de ódios.

Anónimo disse...

campo maior está nas mãos de nabeiro que pena tenho do Ricardo!mas á uma coisa Ricardo sé homem não te deixes manipolar por esse senhor!o povo elegeite e és tu a autoridade macima desta terra ninguém nache ensinado agarrate a quem sabe, menos a pessoas que é só para seu próprio proveito ... o povo está-se revoltando ,não deixes que a veriadora desida por ti essa pessoa não interassa á sociedade ,sé forte sé tu mesmo

siripipi alentejano disse...

Ao anónimo das 23H42
Por vezes também gosto de ser jucoso, mas sem ofender ninguém, a afirmação dessas melhorias...são meras suposições.
Quanto ao orçamento mantenho o que escrevi e convido-o a ler o meu post "Férias-Tempo de descanso e de pensar" publicadi em 5 de Agosto.
siripipi-alentejano